10 dicas para conseguir crédito para curtir o Carnaval

Dinheiro para o carnaval

O ano começou e, com ele, um monte de contas extras para pagar: material escolar dos filhos, IPTU, IPVA, dívidas das festas de final de ano e das férias, salário menor pelos dias de folga, etc.

Por outro lado, o “feriadão” do Carnaval está chegando e são tantas opções de viagens, festas, micaretas e bloquinhos que você não quer ficar de fora. Nem que seja para farrear com os amigos mais próximos.

Se você quer um dinheiro extra para aproveitar o Carnaval, o empréstimo pessoal é a solução dos seus problemas financeiros.

Quer saber como conseguir crédito para curtir o Carnaval? Continue a leitura deste texto e descubra algumas dicas!

 

Conheça o seu orçamento

 

A primeira dica para conseguir o seu empréstimo pessoal é conhecer o seu orçamento e o quanto pode ser comprometido. Ou seja, quanto você pode pagar de parcela sem afetar as suas outras contas mensais.

Os especialistas também dizem que é importante estabelecer quanto você efetivamente precisa para curtir o Carnaval.

Este passo é importante, pois muitas vezes a pessoa fica inclinada a pedir um valor maior do que realmente precisa, e isso acaba comprometendo seu orçamento por um período maior.

 

Não se esqueça de simular

 

Outro ponto importante é fazer diferentes simulações e analisar a taxa de juros cobrada pelos bancos e financeiras. Ou seja, pesquise.

Primeiro, consulte o seu banco e converse com seu gerente sobre a possibilidade de contratar um empréstimo pessoal e qual é a taxa de juros cobradas.

Mas, é importante analisar a proposta de outros bancos, pois eles podem trazer opções mais vantajosas em relação aos encargos e juros.

Com isso, você tem o dinheiro disponível imediatamente e terá contratado aquela empresa que lhe forneceu a melhor proposta: o valor desejado pela menor taxa de juros.

 

Certifique-se da idoneidade do banco ou financeira

 

A última dica de segurança é que, antes de realizar qualquer empréstimo, é importante que você verifique se o banco, financeira ou o site que está contratando é de confiança. Pesquisar é fundamental para você não ser vítima de golpes e fraudes.

Por isso, cheque todas as informações disponíveis sobre a empresa antes de fechar o negócio. Inclusive, se puder, converse com outros clientes. Assim, você garante uma maior segurança no contrato e com seus dados pessoais.

 

Utilize o Cadastro Positivo

 

A maioria das financeiras e bancos faz uma verdadeira análise da vida financeira passada da pessoa para decidir se irá conceder ou não o empréstimo.

Por isso, ter o seu nome no Cadastro Positivo te auxilia a ter mais rapidamente a aprovação do seu empréstimo pessoal, inclusive com taxas mais baixas.

 

Mas, o que é o Cadastro Positivo?

 

Ele funciona da mesma forma que os cadastros de proteção de crédito (SPC, Serasa, etc.), só que nele constam todas as informações sobre os pagamentos que você fez.

Ou seja, na prática, funciona como um banco de dados que demonstra que você é um bom pagador.

 

Tenha o nome limpo para conseguir crédito

 

Ter alguma restrição em algum dos órgãos de proteção de crédito pode atrapalhar e muitas vezes impedir que você consiga contratar um empréstimo pessoal. A grande maioria dos bancos e financeiras irá fazer a análise do seu perfil no Serasa e no SPC.

Há a possibilidade de o crédito ser aprovado mesmo que você esteja negativado, mas provavelmente as taxas de juros cobradas serão mais altas, pois existe o risco de não receberem.

Por isso, é essencial manter o seu nome limpo, para garantir que você sempre tenha crédito no mercado.

 

Utilize seus imóveis

 

Para aqueles que têm algum tipo de propriedade em seu nome (casa, apartamento, etc.), o crédito é facilitado. Isso porque ela pode ser utilizada como garantia para conseguir um grande volume de dinheiro em uma situação de emergência. Essa propriedade também pode comprovar que você terá bens para pagar o valor emprestado em caso de não pagamento.

Porém, se você mora de aluguel, não significa que é impossível conseguir um empréstimo pessoal. Todo seu histórico de pagamento dos aluguéis pode ser utilizado ao seu favor para demonstrar que você é um bom pagador.

 

Tenha todos os seus documentos disponíveis

 

Independente da financeira ou do banco que você irá fazer o seu empréstimo pessoal, para analisar e aprovar o seu cadastro, é essencial que apresente a sua documentação.

Entre os documentos que serão exigidos estão:

  • CPF e RG;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de renda.

Por isso, já deixe a documentação separada para garantir que a sua solicitação de empréstimo pessoal será atendida o mais rápido possível.

 

Declare sua renda

 

Além de analisar toda a sua vida financeira, a renda é outro fator que conta muito para determinar se é possível ou não conceder o empréstimo no valor desejado.

Sua renda deve ser compatível com o valor que está solicitando no empréstimo pessoal, pois você deve demonstrar que vai ter condições de pagar o valor solicitado. Afinal, não dá para emprestar R$ 10.000,00 para quem recebe um salário mínimo. Dificilmente ele vai conseguir pagar o parcelamento.

E não adianta informar valores de renda que não são o que você realmente recebe, pois os bancos e financeiras fazem análises para descobrir se a renda informada é verdadeira. Por isso, não minta.

Outros fatores que podem ser levados em consideração na hora de emprestar dinheiro e que podem facilitar a concessão são a sua profissão, o cargo na empresa e se você tem estabilidade no emprego (servidores públicos).

 

Tenha boas referências

 

Uma prática que era muito comum pelos bancos e financeiras e ainda é utilizada por uma parcela das empresas é a referência pessoal.

Você já foi fazer um cartão em uma loja de departamento e lhe pediram a indicação de pessoas que te conhecem? Funciona da mesma forma. Você vai indicar pessoas que, por sua vez, informarão aos outros que você é um bom pagador.

Por isso, é importante escolher as pessoas certas para servirem de referência para você e te darem uma força para conseguir o seu empréstimo pessoal. Como:

Pessoas com estabilidade profissional e bom poder aquisitivo;

  • Chefes;
  • Diretores;
  • Parentes com nome bom no mercado.

Agora, se você precisa de dinheiro rápido e sem burocracias, clique aqui e peça hoje mesmo seu empréstimo pessoal para curtir o Carnaval.