Score: descubra sua importância e como aumentar sua pontuação

Saiba tudo sobre score e como aumentar sua pontuação

Manter um bom score de crédito na praça facilita a sua vida em muitas coisas e impacta diretamente na hora de pedir um empréstimo online. Nesse post, falaremos das vantagens de ter um score de crédito bom e daremos algumas dicas para você manter sua pontuação nas alturas.

 

Como funciona o score de crédito

 

O score de crédito é um sistema de pontuação criado com o objetivo de traçar o perfil de cada consumidor em relação aos pagamentos que ele deixa ou não de fazer. Ou seja, ele indica a probabilidade de você continuar com suas contas em dia.

O número varia entre 0 e 1000, e quanto mais alta a sua pontuação, mais vantagens você possui e maior a possibilidade de fechar novos acordos no comércio como solicitação de empréstimos, financiamentos, liberação de cartões de crédito e outros.

O ideal é que você mantenha uma pontuação acima de 700. Menos do que isso gera certa desconfiança nas instituições e a possibilidade de você se tornar um inadimplente se torna, para elas, uma ameaça quase certa.

O score criado pela Serasa Consumidor é chamado score Serasa. Mas, temos também o score desenvolvido pela Boa Vista Serviços. Ambos têm a mesma finalidade: medir o comportamento do consumidor em relação ao pagamento de contas.

Toda avaliação de crédito é baseada no seu comportamento de consumo, estabilidade da sua vida financeira e outros fatores. As instituições financeiras têm acesso a esses dados e fazem uso deles na hora de decidir se liberam ou não um empréstimo ou um novo cartão de crédito.

Podemos fazer uma comparação simples com uma situação comum no nosso dia a dia. Quando alguém nos pede certa quantia emprestada, nós podemos dar ou não o dinheiro dependendo da fama que a pessoa tem de ser ou não uma boa pagadora.

O fato é que ninguém quer correr o risco de sofrer um prejuízo financeiro, de não receber de volta aquilo que emprestou.

Assim, podemos perceber o quanto é importante para as nossas relações comerciais e financeiras criar e manter uma boa imagem junto aos nossos credores. Dessa forma, podemos fechar bons e vantajosos negócios, solucionar problemas e ter com quem contar quando precisamos de ajuda na hora de um sufoco financeiro.

 

Vantagens de ter uma avaliação de crédito positiva

A grande vantagem de ter o score de crédito bom é que fica mais fácil fazer um empréstimo pessoal mais barato. Isso pode significar juros mais baixos e melhores condições de pagamento.

Imagine que você precisa solicitar um empréstimo para quitar algumas dívidas, investir em um negócio, nos estudos, comprar uma casa ou fazer uma viagem. Se a sua única opção para ter esse dinheiro é fazendo um empréstimo, com um bom score todos esses sonhos estão ao seu alcance muito mais facilmente.

E o melhor é que, devido ao seu histórico favorável, os juros do serviço contratado serão muito mais baixos e acessíveis, facilitando a quitação do empréstimo e garantindo o seu nome limpo para novas transações no futuro.

Além disso, quando você precisa solicitar um cartão de crédito para facilitar as suas compras, é muito mais fácil ter o seu pedido concedido se o seu histórico de consumo e de pagamento for atraente para as operadoras de cartão.

 

Como aumentar a pontuação do seu score

Quer saber o que fazer para aumentar a pontuação do seu score e pagar juros mais baixos? Conheça agora algumas dicas:

 

1. Esteja em dia com suas contas

Como não é novidade, o melhor caminho é pagar suas contas em dia. Procure se organizar para não se esquecer de pagar nenhum boleto. Você pode usar débito automático para isso.

Também evite pagar em cheque sem ter certeza de que terá dinheiro para cumprir esse pagamento. Se você precisa de uma mãozinha e não quer sair de casa, peça um empréstimo pela internet. Crédito rápido e fácil.

Se a sua maior dívida está concentrada no cartão de crédito, encontre uma maneira de quitá-la o quanto antes. Uma alternativa rápida e eficiente é contratar um empréstimo para pagar a fatura do cartão.

Assim, você não precisa ter que lidar com os juros do cartão de crédito que são considerados os mais altos entre todas as outras transações bancárias e que crescem extremamente rápido.

Na maioria das vezes, é muito mais vantajoso para o cliente optar por um empréstimo para quitar a fatura do cartão de crédito do que pagar apenas o mínimo do valor, pagar juros assustadores e, muitas vezes, ainda não conseguir se livrar da dívida, além de ficar com o score negativo.

 

2. Não gaste mais do que ganha

Evite gastar mais do que ganha, essa é a regra básica para ter controle financeiro. Crie o hábito de fazer um orçamento mensal. Anote todas as suas fontes de rendimento como o salário mensal e também alguma renda extra que você possui.

Depois, registre todos os seus gastos como contas de água, luz, telefone, supermercado, plano de saúde, academia, sem se esquecer dos gastos com lazer que também são importantes e de fazer uma reserva de emergência.

Verifique se as suas despesas estão dentro da sua receita. O ideal é que estejam. Se houver algum desequilíbrio, limite o valor dos gastos, faça economia ou encontre uma renda extra.

Evite também usar o limite do cartão e da conta corrente como parte de sua renda. Encare o cartão de crédito como mais uma dívida que você deverá quitar quando receber seu salário. Ele não é uma extensão da sua renda. Muito cuidado com isso.

E se ficar no negativo por alguma razão, saia o mais rápido possível. Evite pagar o mínimo da fatura, dividir o valor total em incontáveis parcelas, carregadas de juros. Quanto mais rápido você se livrar dessa dívida, menos dinheiro você perde.

 

3. Seja consciente em suas compras

Faça uma avaliação honesta consigo mesmo no momento de compra. Questione a necessidade daquela aquisição. Muitas vezes nós compramos mais por hábito ou desejo do que por real necessidade.

Quantos objetos temos acumulados em casa devido às compras por impulso? Roupas que não usamos, eletrodomésticos cheios de funções que só ocupam espaço na cozinha, sapatos iguais e por aí vai. Precisamos sempre repensar a necessidade de comprar algo para evitar o gasto descontrolado, difícil de ser reparado depois.

Evite também os parcelamentos desnecessários. É mais fácil comprar um celular novo parcelando-o em 10 prestações do que pagando à vista. Até aí tudo bem. O problema acontece quando há um acúmulo de parcelas no cartão, comprometendo uma parte importante do seu salário.

 

4. Não comprometa todo o limite do seu cartão de crédito

Ainda falando de cartão de crédito, saiba que comprar pouco no seu cartão é ótimo para aumentar o seu score. O ideal é não ultrapassar 30% do limite.

 

5. Tire o seu nome da lista dos negativados

Se o seu nome está sujo, popularmente falando, faça o possível para sair dessa lista. Vale reduzir gastos para sobrar algum dinheiro no final do mês, tentar ganhar um dinheiro extra ou solicitar um empréstimo para quitar todas as suas dívidas.

Só não se esqueça de encaixar a parcela do empréstimo no seu orçamento mensal. Do contrário, você corre o risco de não conseguir pagar e cair mais uma vez na lista dos negativados.

Com essas simples dicas você consegue aumentar e manter seu score Serasa de crédito. Caso esteja enrolado com as contas, use nosso simulador de empréstimo pessoal e solicite um hoje mesmo. Dinheiro na hora online.

 

6. Mantenha seus dados atualizados

Parece algo sem importância, mas é muito valioso para as instituições financeiras ter acesso às informações atualizadas sobre a sua vida. Diante de alguma mudança como novo endereço, novo telefone ou novo emprego, vá até à loja ou ao banco e corrija os seus dados.

 

7. Tenha contas em seu nome

Sempre que precisamos fazer algum cadastro ou realizar inscrição em alguma atividade, é exigido um comprovante de endereço. Contas de água, luz e telefone são, portanto, importantes não só para garantir que você tem residência fixa, mas também provam que você é um consumidor ativo, responsável e pontual nos pagamentos.

 

8. Evite solicitar muitos cartões de crédito

Adquirir um cartão de crédito hoje em dia é algo muito fácil. Mas, não ceda a todas as ofertas que chegam até você. As instituições financeiras não veem com bons olhos muitas solicitações de cartão de crédito.

Além disso, quanto mais cartões você possui, maior é a tentação de comprar algo e dividir em infinitas parcelas, comprometendo todo o seu orçamento.

 

9. Faça o seu Cadastro Positivo

Se você ainda não realizou o seu Cadastro Positivo, faça isso o quanto antes. O Cadastro Positivo funciona como um currículo financeiro constando as suas contas pagas, solicitação de empréstimos, crediários abertos e muito mais.

O cadastro positivo é uma tentativa de favorecer o consumidor que paga as suas contas em dia. Da mesma forma que existe o cadastro negativo das pessoas inadimplentes, existe também o cadastro que valoriza aquelas pessoas que honram suas dívidas.

 

Quanto tempo demora para o score aumentar?

Não há uma data certa para que o seu score tenha uma boa pontuação. É preciso seguir todas essas dicas cuidadosamente fazendo disso um hábito na sua vida. Depois de ter feito o seu Cadastro Positivo, basta acompanhar o seu score gratuitamente pela internet.

Agora que você já sabe o que precisa fazer para aumentar o seu score e manter boas relações com o mercado, já pode começar a colocar em prática tudo que aprendeu. E não se esqueça de que educação financeira é fundamental para uma vida mais tranquila e próspera, e é uma prática que exige dedicação diária.

Precisa de empréstimo rápido e sem sair de casa?